O Pilates esta entre as modalidades mais recomendadas para este período, as gestantes podem usufruir da técnica, salvo as que possuem gestação de risco ou que tiveram algum tipo de complicação que seguem orientação de repouso. 

Sempre muito importante que o médico esteja ciente e de acordo com a pratica da gestante. A técnica devidamente adaptada para as futuras mamães, com enfoques específicos ao período tem grande eficácia e aplicabilidade. 

Na pratica do Pilates devido ao trabalho abdominal a gestante desenvolve uma maior estabilidade do corpo e da coluna vertebral, da pélvis e do abdômen. As aulas personalizadas exigem uma alternância de posições do corpo que permite tranquilidade e segurança às gestantes. 

Com o trabalho nos membros inferiores o método permite, desde que devidamente trabalhadas, a diminuição da probabilidade de inchaços. 

Os alongamentos devem ser evidenciados, pois na gestação ocorre um desvio do centro de gravidade, devido ao aumento da barriga. Aumentando as curvaturas fisiológicas da coluna, ocasionando dores. 

O Pilates também facilita o pós-parto, com um retorno mais rápido do abdômen e diminuição da flacidez característica desse período.